Friday, December 26, 2014

Arriscar é: tudo por descobrir

Do Papa Francisco às crianças:
“Escutei que este ano se comprometeram com um tema que tem como slogan ‘Tudo por descobrir’. É um caminho belo, que necessita a coragem e o cansaço da busca, para que depois descubram o projeto que Jesus tem para cada um de vocês”.

Nesse sentido, tomando como inspiração a palavra “Tudo”, Francisco deu cinco conselhos para estas crianças:

1 – Não se rendam nunca, porque o que Jesus quer das crianças está para ser construído juntos: com os pais, irmãos, amigos e companheiros de escola...

2 – Interessem-se pelas necessidades dos mais pobres, dos que mais sofrem e estão mais sozinhos, porque, quem gosta de Jesus, deve amar o próximo. Assim, tudo se torna amor.

3 – Amem a Igreja, os seus sacerdotes, coloquem-se a serviço da comunidade, porque a Igreja não é somente os sacerdotes, os bispos… mas é toda a comunidade, coloquem-se a serviço da comunidade. Doem tempo, energia, qualidade e capacidade pessoais para as suas paróquias dando assim testemunho da própria riqueza que é compartilhar. É importante! Aquele “tudo”: Tudo por descobrir, tudo para compartilhar, tudo para construir juntos, tudo amor…

4 – Sejam apóstolos da paz e da serenidade, a partir das próprias famílias, recordem aos seus pais, aos seus irmãos e contemporâneos que é bonito amar-se e que as incompreensões podem ser superadas, porque estando unidos a Jesus tudo é possível. Mas esta palavra não é uma invenção nova: Esta palavra foi dita por Jesus, quando descia do monte da Transfiguração. Para aquele pai que pediu a cura de seu filho, o que lhe disse Jesus? “Tudo é possível para aqueles que têm fé”. Com a fé em Jesus pode-se tudo, tudo é possível.

5 – Falem com Jesus. A oração: Falem com Jesus, o maior amigo que nunca os abandona, confiem a Ele as suas alegrias e tristezas. Corram a Ele cada vez que errem e façam alguma coisa ruim, com a certeza de que Ele os perdoa. E falem com todos de Jesus, do seu amor, da sua misericórdia, da sua ternura, porque a amizade com Jesus, que deu a própria vida por nós, é um fato para contar a todos. Todos estes “tudo” são importantes.

“O que dizem? Atrevem-se a colocar em prática esta proposta com o ‘tudo’?”

“Penso que já vivem uma grande quantidade destas coisas. Agora, com a graça do seu Natal, Jesus quer ajudar-vos a dar um passo bem mais decidido, mais firme e mais alegre para serem seus discípulos. É suficiente dizer uma palavrinha: “Eis-me aqui”, como nos ensina Nossa Senhora, que, assim, respondeu ao chamamento do Senhor”

Tuesday, December 23, 2014

Arriscar é: Natal Feliz

Esta estrela que vos dei
caiu no meio do meu jardim
não sei se queria ser vossa
ou apenas ter pena de mim.

Esta estrela que vos dei
desceu numa noite bem escura
iluminou o jardim
E encheu-me de ternura.

Esta estrela que vos dei
trouxe-me muita alegria
veio para junto de vós
espalhar sabedoria.

Esta estrela que vos dei
Veio dizer-nos um segredo
Não vale a pena ficarem
Com essa cara de medo.

Esta estrela que vos dei
É caminho mais além
Veio dizer a todas nós
É ali sim, em Belém!

Esta estrela que vos dei
Indica um novo caminho
Não é fácil percorrê-lo
Precisamos de um anjinho.

Esta estrela que vos dei
serve para vós de postal
Foi o que vos consegui fazer
Para presente de Natal.

(Isabel Aleixo)

Monday, December 15, 2014

Arriscar é: ?

A doença dos povos do hemisfério norte é comer demais. 
Que estranho!

Saturday, December 13, 2014

Arriscar é: alegria

A alegria sem precisar de desinibidores é a que vive de acrescentar algo de bom à vida dos outros. Sempre a partir do que enche a medida do coração do outro.

Friday, December 05, 2014

Arriscar é: construir sobre a rocha

Por vezes essa é a conclusão a que chegamos:
Estamos a construir sobre a areia e não sobre a rocha.
Hoje verificamos que poucas vidas têm solidez.
Por tal se aposta a ver se dá.
Mas atenção porque pode não ser só a vida do outro que está construída sobre a areia, também a nossa...
E quando o nosso coração é de pedra?

Wednesday, December 03, 2014

Arriscar é: medo de

Verificamos que tem mais medo de perder quem já teve pouco ou fez a experiencia de perder.

Por isto é tão importante a gratidão pelo que já se tem.

Arriscar é: nutrir-se

Hoje fala-se em toxicidade dos alimentos e das pessoas com quem nos relacionamos.  Na verdade, é que é fraca a qualidade da alimentação mas...